Real Madrid sai em defesa de Cristiano Ronaldo

cr7

Assustado com a possibilidade de perder o melhor jogador do mundo da atualidade, o Real Madrid resolveu atacar. O presidente Florentino Perez, reeleito para o cargo ontem à tarde, saiu em defesa de Cristiano Ronaldo em uma entrevista exclusiva ao jornal Marca, da Espanha. O dirigente acredita na permanência do craque e concordou com a tese do jogador português de que alguns veículos de Comunicação o tratam como um “delinquente”.

CR7 vive um momento delicado. Enquanto pensa na seleção portuguesa e na Copa das Confederações, seus advogados tratam de preparar a defesa da acusação de fraude fiscal de R$ 52 milhões entre os anos de 2010 à 2014. O atacante se viu mal tratado pela Imprensa espanhola e teria decidido abrir negociações com clubes de outros países.

O presidente do Real disse não ter recebido nenhuma sondagem. “Não chegou oferta nenhuma. Ele é nosso jogador e vai seguir sendo. Não conversei com ele ainda porque não quero atrapalhar a concentração na Copa das Confederações, mas concordo com ele que alguns meios o trataram mais ou menos como um delinquente e para uma pessoa de seu prestígio e honradez profissional, fica difícil de entender. Não levaram em conta a presunção de inocência.”

Florentino tem mantido contato com os advogados de Cristiano Ronaldo e afirmou que não houve fraude nos informes de exploração de direito de imagem do atacante. CR7 vai depor no dia 31 de julho e tem evitado dar entrevistas desde que a notícia de sua acusação foi divulgada. Segundo ainda o jornal espanhol, o Manchester United não estaria mais interessado no retorno do craque português e o Paris Saint-Germain passaria a ser o principal candidato à compra.

Anúncios

O cerco contra a corrupção no futebol

VILANOVA DEJA DE SER ENTRENADOR DEL BARCELONA PARA TRATARSE DE SU ENFERMEDADDigamos que são alvissareiras as notícias vindas da Espanha. A prisão do ex-presidente do Barcelona, Sandro Rosell, e mais quatro pessoas na cidade catalã, nos dá esperança de que a Justiça poderá ser feita no mundo do futebol. Não quero aqui condenar o ex-dirigente, mas ressaltar que existe gente de olho no dinheiro que circula dentro e ao redor do esporte mais popular do planeta. Para o bem e para o mal.

Rosell foi detido por suspeitas de lavagem de dinheiro. Segundo o “El País”, da Espanha, se investiga uma suposta organização criminosa que teria cobrado comissões ilegais sobre os direitos de imagem de TV da Seleção Brasileira e depois regularizavam os lucros através de paraísos fiscais como Andorra. O ex-dirigente também foi presidente da Nike e teria sido nessa época que manteve um contrato com a CBF durante a gestão de Ricardo Teixeira.

Tudo isso foi revelado, em 2013, pelo jornal “O Estado de São Paulo”. Com base nessa história, começaram as investigações que culminaram nas prisões. Hoje, policiais fizeram buscas e apreensões em vários lugares de Barcelona, Lleyda, Girona e Andorra. Sandro Rosell também é investigado nos Estados Unidos pelo FBI com suspeita de desvio de milhões para contas secretas de Teixeira.

A matéria completa você lê aqui nesse link:

http://esportes.estadao.com.br/noticias/futebol,policia-espanhola-prende-ex-presidente-do-barcelona-sandro-rosell-por-contratos-com-a-cbf,70001807248

http://brasil.elpais.com/brasil/2017/05/23/internacional/1495521178_853700.html

No mesmo dia, ficamos sabendo da prisão de dois ex-governadores do Distrito Federal e um assessor do presidente Michel Temer por conta de superfaturamento na reforma do estádio Mané Garrincha, o mais caro da Copa no Brasil. Teria sido algo em torno de R$ 900 milhões a mais em propinas. Existem suspeitas sobre outros estádios do Mundial do 7 a 1, o que só faz aumentar a nossa vergonha, mas que deve nos fazer cobrar uma averiguação a todo instante por parte das autoridades e dirigentes de clubes.

O Corinthians está com a auditoria terminada. É essencial que venha à tona tudo o que se passou nas negociações do ex-presidente Andrés Sanches e a Odebrecht. Que se esclareça o pagamento de R$ 500 mil a alguém de codinome “Timão”, que aparece na planilha de propina da empreiteira. Quais providências o clube sobre isso? Destacou algueem para acompanhar as investigações? Diante de tantos escândalos cabe a pergunta: será que Itaquera custou mesmo mais de 1 bilhão como dizem? Nem me refiro ao que ficou faltando ser completado como o acabamento do piso dos setores norte e sul, admitido pela administração do estádio ao UOL no fim-de-semana.

Num dia em que ficamos sabendo que Ricardo Teixeira pode ser preso através de um pedido da polícia espanhola, que tal sonharmos que, finalmente, o Ministerio Público descobriu que o futebol dá muito lucro e que tem muita gente ganhando com isso de forma desonesta. Imaginem amigos, se isso aconteceu na Confederação Brasileira de Esportes Aquáticos e terminou com a prisão de quatro dirigentes, quanto mais não será num mundo ainda mais milionário como o Planeta Bola? A Fifa que o diga.

 

Brasileiro está entre Guardiola e Simeone


Campeão francês pelo Mônaco, o brasileiro Fabinho terminou a temporada em alta – e muito alta- no futebol europeu. Além da faixa no peito, o jogador vai poder estudar, ao menos, duas propostas de mudanças de clube. 

A primeira seria para Manchester e passaria a integrar a armada azul do City que já tem Fernando, Fernandinho e Gabriel Jesus. Fabinho agradaria a Pep Guardiola pela versatilidade podendo jogar na lateral direita ou no meio-campo.

Outra opção é trocar a França pelo futebol espanhol, mais precisamente Madri. O Atlético de Simeone também o deseja, conforme revela hoje o jornal “Marca”. O clube aguarda uma decisão do TAS, na Suíça, para saber se poderá contratar alguém na janela de verão e investir em reforços. Fabinho seria a opção número um para o meio-campo na vaga de Tiago. Ele tem contrato até 2021, mas isso não parece ser um grande impeditivo.