Se o Corinthians não negociou com Drogba, alguém se passou por ele

2016-05-14-imfc-vs-phi-cimon-88

A notícia divulgada pelo UOL mexeu com o noticiário esportivo de hoje. O Corinthians teria feito uma proposta para ter o marfinense Drogba por um ano. Ele está sem clube desde novembro quando terminou o contrato com o Montreal Impact, onde jogou a Major League, em 2015 e 2016. Disputou 41 partidas e marcou 23 gols. O departamento de futebol do clube logo deu demonstrações de que não quer o atacante, de 38 anos, sob a alegação de que ele estaria em declínio técnico.

O fato é que houve dentro do departamento de marketing uma movimentação nesse sentido e que deveria ter ficado em sigilo. O projeto Drogba seria custeado com dinheiro do próprio clube, viria por algo em torno de 400 mil reais, praticamente o mesmo salário destinado a Cristian. “Está em um processo avançado de finalização”, me disseram, “algo em torno de 48 horas”.

Drogba, apesar da idade avançada, seria usado também para alavancar ações de marketing, mas nada parecido com o que foi feito na contratação de Ronaldo em 2009. O atacante, considerado uma lenda pela torcida do Chelsea, teria se interessado pelo projeto e pelo desafio de jogar no futebol brasileiro.

Se tudo isso teve a autorização do futebol, ninguém confirma, nem desmente. Oficialmente também ninguém se pronunciou. De tudo isso, uma única certeza, alguém se passou por representante do Corinthians junto a um dos melhores atacantes dos últimos anos. E o tempo vai dizer se a Comissão Técnica corintiana estava certa ou errada ao descartá-lo.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s